10 benefícios do pêssego para os bebês

Tempo de leitura: 3 minutos

A textura macia e o sabor marcante do pêssego, ligeiramente adocicado, tornam a fruta uma das preferidas dos bebês que estão iniciando a introdução alimentar, e partindo para o mundo dos sólidos.

Quer incluir o pêssego na dieta do seu filho, mas não conhece os benefícios da fruta? Tudo bem. Preparamos um texto com dez boas razões para você incluir essa delícia no cardápio dos pequenos.

Ajuda na hidratação

O pêssego tem 85% de água, ajudando os bebês que estão iniciando a introdução alimentar a se manter sempre hidratados.

Preserva a saúde visual

Rico em vitaminas A, C e antioxidantes como a zeaxantina e a luteína, o pêssego ajuda a preservar a saúde visual dos bebês e combatendo pequenos problemas de visão que possam afetar os pequenos.

Ajuda o sistema circulatório

Um pêssego contém altas doses de potássio, mineral muito importante para manter o bom funcionamento do sistema circulatório.

Fortalece os ossos e os dentes

O cálcio presente no pêssego ajuda no fortalecimento dos ossos dos bebês, enquanto o flúor presente na fruta protege os dentinhos que já nasceram e que ainda vão nascer.

Não possui sódio

O excesso de sódio pode afetar o funcionamento dos rins dos bebês, que ainda estão em desenvolvimento.

Ao consumir pêssego diariamente, as crianças obtêm boas quantidades de minerais, sem que sejam ingeridas grandes quantidades de sódio.

Garante o bom funcionamento do intestino

Rico em fibras, o pêssego garante o bom funcionamento do intestino e ajuda na digestão, evitando cólicas, dores de barriga e combatendo a prisão de ventre que afeta muitos bebês.

Fortalece o sistema imunológico

A vitamina C, encontrada em grandes quantidades no pêssego, ajuda a fortalecer as defesas do bebê, já que seu sistema imunológico ainda está sendo formado.

Previne a anemia

A mesma vitamina C, que turbina as defesas dos bebês, ajuda o organismo dos pequenos a absorver o ferro ingerido nos alimentos, diminuindo as chances de que as crianças tenham anemia.

É rico em vitaminas

Além de muito saboroso, o pêssego é muito rico em vitaminas e sais minerais. Uma simples frutinha contém vitaminas A, C, D, iodo, magnésio, ferro, cobre, fósforo, cálcio, fibras, caroteno e flavonóides.

Protege o coração

Os efeitos antioxidantes do pêssego ajudam a proteger o coração dos bebês, evitando o surgimento de doenças.

O pêsseo tambémé um maravilhoso ingrediente no preparo das papinhas doces, veja antes de começar a introdução alimentar, algumas dicas importantissimas <3

Informações indispensáveis para o preparo de papinhas

Para garantir uma introdução alimentar segura e nutritiva, alguns outros detalhes são super importantes:

  • A escolha de uma panela que não libere metais pesados
  • A utilização de potes livres de contaminantes
  • A forma correta de armazenar as papinhas
  • O congelamento e descongelamento correto, para preservar os nutrientes
  • Os temperos corretos
  • A higienização e remoção dos agrotóxicos

Se você não quer correr riscos com seu bebê, aconselhamos que conheça o Manual das Papinhas, onde, além de ter acesso a 100 receitas práticas, você vai aprender todos os detalhes para garantir uma introdução alimentar super segura e nutritiva.

O_Manual_das_Papinhas_3ª_edicao

Acesse o Manual das Papinhas e garanta a saúde do seu bebê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *