Febre no bebê

Tempo de leitura: 3 minutos

Febre, um dos pesadelos dos pais, veja como identificar e o que deve ser feito caso seu bebê apresente os sintomas de estado febril.

A temperatura do corpo humano pode variar de 36,5 até 37,5, acima disso já é considerado estado de febre.

Como identificar a febre?

O comportamento do bebê pode ser o primeiro indicio, bebês com febre ficam mais “amoadinhos” e desconsolados, evitam comer e até mesmo mamar.

Mas como cada organismo funciona de maneira diferente e reage diferente a diferentes problemas, é importante que esta não seja a única avaliação.

Caso você desconfie de que seu bebê esteja com febre, coloque o termômetro de baixo do braço do bebê até a leitura ser feita, avalie como o bebê está, mãos frias e testa quente podem ser mais indícios de que o bebê está com febre. Tirar as roupas do bebê por um período curto e notar que ele sente desconforto ou que a temperatura não abaixa também é outro sinal. Muita atenção:

Com bebês de menos de 2 meses, qualquer febre deve ser informada imediatamente ao pediatra.
Por que a febre acontece?

A febre nada mais é do que o corpo do bebê lutando contra algo maléfico ou desconhecido em seu organismo, ela não é problema, mas sim sintoma! A febre é sua aliada na identificação de problemas, os bebês, mesmo com a proteção do leite materno ainda são muito delicados e merecem atenção redobrada caso estejam com febre.

Que tipo de termômetro usar?

A febre pode ser sua aliada, mas um termômetro preciso para saber exatamente a temperatura do bebê é indispensável.

Os melhores termômetros são os digitais, eles apontam precisamente a temperatura, e quando são tirados do bebê a temperatura fica registrada até a próxima medição, diferente dos termômetros de mercúrio.

Além disto, o mercúrio usado em alguns termômetros é extremamente tóxico, dentro do termômetro ele não oferece risco algum, mas os termômetros de mercúrio são de vidro e quebram com facilidade, expondo o mercúrio e deixando estilhaços de vidro imperceptíveis

É correto tentar abaixar a febre do bebê?

Isto depende, após a febre ser identificada pelos pais, o bebê deve ser levado ao pediatra, somente sob prescrições médicas o bebê poderá ser medicado.

Compressas frias podem ser usadas para deixar o bebê mais confortável.

Atenção: evite banhos, essa prática pode ser bastante perigosa.

Durante a febre, o bebê não deve estar agasalhado demais, nem de menos. A amamentação nestas horas é muito bem vinda, além de ajudar o bebê a relaxar e se sentir mais acolhido, a ingestão de líquido também ajuda muito o corpo do bebê.

Mesmo sem diarreia ou vômitos, o bebê pode ficar desidratado somente pela transpiração. Acima de 6 meses, ofereça água também.

Conheça o Manual das Papinhas e aprenda como fazer papinhas deliciosas, com 100 receitas e dicas incríveis, que irão garantir uma alimentação super saudável para seu bebê.

O_Manual_das_Papinhas_3ª_edicao

Acesse o Manual das Papinhas e garanta a saúde do seu bebê.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *